Juh Almeida

É mulher, negra, feminista, fotógrafa e realizadora audiovisual.

 

Formada em fotografia pela Focus Escola de Fotografia – São Paulo, estudou Bacharelado Interdisciplinar em artes com Concentração em Cinema na Universidade Federal da Bahia.

Especializou-se em direcação de fotografia pela Bucareste Ateliê de Cinema – São Paulo, foi arte educadora lecionando fotografia para alunos do ensino médio no Colégio Central da Bahia pelo programa CJCC.

 

Dirigiu e roteirizou o curta "Náugrafa" selecionado no Panorama Internacional Coisa de Cinema, dirigiu e roteirizou o videcclipe "Caminho da Praia" da banda baiana Zuhri, premiada em primeiro lugar no concurso "olhares inspiradores" da Canon. Premiada no concurso “Mujeres Fotografas de Latinoamérica” no México, com a foto “Força”.

 

Direção de fotografia e câmera no curta ”O olho Mágico” pelo projeto Cine art’s, dirigiu fotografia no documentário “Entrever Femininos”, fez direção de fotografia no projeto “Yas Idanas”.

Fez assistência de fotografia no videoclipe "alfazema" da banda Baiana System, assistência de fotografia no curta “sentido”.

Fez registro audiviosual em mostras como Panorama Internacional Coisa de Cinema, Mostra Elas, Ela Faz cinema, Diaspora Conecta, Melanina Acentuada e Lugar de Mulher é no Cinema.

 

Atualmente está desenvolvendo os projetos autorais, o documentário "o que meu cabelo tem pra te dizer", "cadê Lucy de Carvalho?" o experimental "Canção”, o curta “Eu, negra”, "Instante" e "memórias de painho".

 

Foi pesquisadora de Iniciação Científica em Cinema Baiano pela UFBA. Atua como fotógrafa e cineasta, é conectada a toda atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa realizada a partir da percepção das emoções e das ideias.


Link:

https://www.instagram.com/juh_fotografia

https://vimeo.com/juhalmeida

Contato:

(71) 99182-9223

juh.fotografia@gmail.com